quarta-feira, 28 de setembro de 2016

A passada semana foi complicada, foi má. Chatices e mais chatices, muitas e longas horas de trabalho. O fim-de-semana foi muito pior. Mais trabalho, tudo o que podia correr mal correu ainda pior, merdas do arco da velha que parece que estão destinadas a acontecer só comigo.

Cansaço, muito cansaço. Nem dormir consegui. Desabei ao telefone com os progenitores...

Esta semana está estranhamente calma, vem aí merda de certeza, vai acontecer mais merda, eu pressinto isto, está para cair mais merdas por causa do que se passou. 

Coisas maradas que me passam pela cabeça é que se a minha vida dependesse se alguém me telefonar para eu sair de casa cá...pois não sei...

Deixem-me dormir ao menos...e hoje estava ferradinho e o caralho do camião do lixo tinha de vir às 6 da manhã e fazer um cagaçal do caralho à minha janela :(

sexta-feira, 16 de setembro de 2016

Perfumes...it happened again...

Querido diário,

Tornei a estoirar guito nas lojas do aeroporto enquanto estava à espera de embarcar...

Há que tempos que andava para comprar um perfume. O outro está nas últimas e apeteceu-me e...e...a rapariga da loja era tão prestável e gira que pronto, não resisti.

Eu entrei lá a ver se encontrava algo que me agradasse. Diz que no duty free as coisas são mais baratas mas nesta altura eu já nem sei. Olho para um lado, olho para o outro e de repente surge a moça ao meu lado, nem faço ideia de onde ela apareceu, qual ninja! Se fosse um bicho tinha-me mordido mas no caso dela, e gata como era, bem que me podia ter dado uma trinca que eu ficava muito importado ficava :P

Cabelo impecavelmente apanhado num rabo de cavalo, olho azul semi-cerrado como quem faz um esforço para perceber o que um palerma de mochila às costas quer dizer, lábios pintados num vermelho vivo que fazem um homem querer perder a cabeça e experiência a interpretar o que um cliente quer e dar-lhe o que ele não sabia o que queria e que afinal quer e vai comprar.

"Que perfume costuma usar?"
"Mudo sempre, nunca calhou repetir."
"Hummmm...então, mais frescos ou doces?"
"Ok, isso eu já sei. Mais para o fresco, sim."

Cheira este, cheira aquele, cheira mais este, eu já lá sabia o que estava a cheirar, cheira de novo este, mete lá na pele a ver se a coisa funciona bem.

"Então? Já decidiu?"
"Poissssssssssssss... vai este."
"Muito bem, boa viagem!"
*ai...vou para onde mesmo...ai...*


quinta-feira, 15 de setembro de 2016

E pronto, lá terá de ser...

Não me fizeram rico nem bonito, não me saiu o Euromilhões nem arranjei uma sugar mommy para me manter portanto querido diário, tive que vir trabalhar :'(

Poucos beijos (só de cortesia), alguns 'olás', ninguém me pagou copos mas eu paguei (cambada de somíticos) , vi pessoas, vi aquela pessoa (dei-lhe um abracinho mas acho que ela não apreciou), senti-me velho, morenei a careca, a filha de uma vizinha dos meus pais perguntou à minha mãe quem era o "careca que estava no pátio com o cão" e disse (depois de saber quem era) que o 'novo estilo está giro', confirmei que ninguém me conhece naquela terra com este visual (não é que muita gente me conhecesse antes), isto de ser o único solteiro e/ou sem filhos é merdoso porque não há ninguém para sair comigo à noite e pagar-me copos ou então sair comigo e levar-me a casa...

Querido diário, já sei que sou um crianção, um adolescente que quer festa e copos no corpo de um tipo com mais de 30 mas foda-se, eram só férias...

Tenho de começar a planear férias como gente adulta e ir-me embebedar para um resort qualquer com pensão completa.