terça-feira, 30 de dezembro de 2014

Já passou...

O Natal já passou, ainda bem. Natal triste, muito triste, negro, frio como a morte, frio de morte... Parte da minha história partiu.

Natal triste, Natal negro e o pragmatismo de uma criança: "Agora é preciso uma foto da avó ao lado da do avô no cemitério..."

12 comentários:

  1. Credo. Eu sei que dizem que as crianças são o melhor do mundo mas às vezes podiam ficar caladinhas.

    Espero que com o início do ano dê superar o natal triste, por pouco que seja.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ela é pequena e adorava a sua bisavó. Adorava comer sopa com ela, ir deitá-la (achava ela), e passar tempo com ela quando vinha do infantário. Ela não disse por mal, é a maneira dela de lidar com as coisas e surpreendeu pela calma com que o disse e por não fazer mais perguntas. Ninguém levou a mal ou ficou chocado ;)

      Eliminar
  2. Deixo apenas um beijo... é difícil dizer seja o que for que possa aliciar a dor.

    ResponderEliminar
  3. Ficam as boas memórias, é uma parte boa ... eu acho !
    Beijinho

    ResponderEliminar
  4. Querido, um beijinho para ti. E não esqueças tudo o que falámos.

    Life goes on...

    ResponderEliminar
  5. Um abraço de amizade e solidariedade.
    Bom ano.

    ResponderEliminar