sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

Tinha tudo para ser um almoço agradável até que...

...que me começam a dar cabo do juízo por causa do que como ou deixo de comer, contar calorias e merdas afins. Fodasse, mas quem é que lhes deu o curso de nutrição?! Esta malta lê umas cenas na net e já acha que percebe a cena toda.


Os conceitos de alimentação saudável e equilibrada de certa gente estão altamente deturpados. Ora comer uma refeição completa à noite é crime de lesa pátria, comer uma taça de cereais ao pequeno almoço idem porque é só calorias e bla bla bla bla bla.

Querem-me pôr de dieta, e quando for para o ginásio é que vai ser...fodasse, pó caralho home! Já sei que sou gordo, que não primo pela beleza e por aí fora, mas deixem-me da mão. Credo...tivesse ainda comida no prato e era isto que fazia:

When someone says not to eat something because it is not healthy for me

Já sei que sou gordo, sempre fui e sempre travei uma luta ao longo da vida com o meu corpo, com os complexos que isso me causou, com o bullying que sofri por causa de ser o puto gordinho. Lutei, emagreci, engordei de novo, emagreci, engordei, estabilizei. Toda a vida levei com rejeição das pessoas por ser gordo, principalmente com as mulheres. O facto de nunca ter tido uma relação não é alheio a este detalhe.

Mas sabem que mais, é uma luta minha, vou travando como posso e olhando pela minha saúde antes de pensar só na parte estética.

Tomem lá um bocado de swag (como eu detesto a palavra mas o gif é muito bom) 

Can't. Handle. My.

14 comentários:

  1. homem que é homem tem barriga.
    em relação ao gif: http://www.youtube.com/watch?v=iyqfHvoUtkU

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahah obrigdado Super Sónia :D

      Obrigado pelo link, tem a sua piada.

      Eliminar
  2. Eu tambem sou gorda mas corto logo essas vazas, nem dou hipóteses de comentarem a minha alimentação e respondo logo.

    Sabes o que costumo dizer? "Há mercado para todos".

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu resmungo e contra argumento mas com algumas pessoas não adianta, se me dizem que por vezes falar comigo é como bater contra uma parede então deviam conhecer outras personagens.

      Pois essa resposta do mercado para todos comigo não ia resultar...pelo menos no meu caso, enfim...

      Eliminar
  3. Epahh, agora fizeste-me rir, porque também detesto essas merdas, principalmente quando são jantares de grupo!
    Há malta que gosta de estragar tudo...

    Beijokas PM

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acredita, e o almoço que me soube tão bem...ainda bem que não fui eu a pagar, ao menos isso.

      Beijos

      Eliminar
  4. Durante anos acontecia-me o inverso.
    Passei anos a ser criticada pelo que comia, sempre que fazia uma refeição num sitio novo já sabia que me iam questionar se existia algum problema com a comida.
    Era uma tortura, entendo-te, no meu caso não dou abertura a palpites, falar da minha alimentação errada é assunto que torno indigesto a quem me quer dar lições...

    A vida é tão curta, devemos viver à nossa medida e não dos outros.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu vou passar é a fazer por comer sozinho quando houver a possibilidade de ter certas pessoas por companhia, ao menos como descansado.
      Dos únicos prazeres a que me posso ir dando ao luxo é a comida, se me tiram isso ainda deprimo.

      Eliminar
  5. Realmente se uma pessoa já não pode fazer uma refeição sossegado...
    Também detesto esse tipo de palpites, principalmente quando quem os recebe não pediu opinião a ninguém.
    Sou tão a favor daquela frase "se não tens nada de bom para dizer, deixa-te estar calado".

    E olha, aproveita o prazer que é saborear uma boa refeição, os outros que mandem bitaites à vontade!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O prazer da comida não me tiram, não é por causa dos freaks das calorias que deixo de comer. Para o bem e para o mal se há coisa que nunca me faltou foi apetite.
      Acho que ainda peço é para me começarem a comprar a comida, que me alimentem a ver se poupo uns trocos :P

      Eliminar
  6. Olha não te rales muito com o que os outros (que pouco te conhecem) dizem ou pensam de ti!
    Quem te conhece um pouco melhor como eu, sabe que tu és alguém incrivelmente belo e dono de um grande coração.

    E só para te encher o ego... tomaram muitos terem o que tu tens! Não sejas maléfico... tu sabes ao que me refiro looooool.

    Beijinhos meu querido e olha se há alguém que adora comer, eu sou uma delas e também tenho uns kgs a mais mas sou feliz assim e quem não gostar que ponha à beira do prato... =)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ai mulher, tu estragas-me com mimos! Obrigado, a sério!

      Eu bem tento não me ralar e o prazer da comida não me tiram, mas cansa ter sempre umas aves raras a 'buzinarem' aos ouvidos que tem muitas calorias e afins.

      Não sou nada maléfico, quando muito levo isso com alguma malícia lololol Muitíssimo obrigado pelo elogio, vou guardar da referencia futura.

      Qual quilos a mais, tem juízo e quem não gostar que passe ao lado, é mesmo assim.

      Beijo grande!

      Eliminar
  7. Muito pior os que acumulam gordura no cérebro, ou seja, aqueles elegantes que se acham perfeitos e quando abrem a boca, só sai merda e fingimento!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo sim senhor mas em alguns casos eu acho que o problema é mesmo um problema de sub-nutrição, de tanta fominha que passaram os neurónios definharam...

      Eliminar