terça-feira, 15 de janeiro de 2013

Carta

Uma vez disse aqui que nunca tinha recebido uma carta de amor e que também não tinha escrito. Acordei estes dias com vontade de escrever uma. Aqui fica o que poderia ser uma carta para alguém um dia ler… 

Olá meu bem,

Sim, meu bem. O bem que existe em mim vem de ti. Tu fazes-me bem, fazes-me melhor, dás cor e sentido aos sentimentos que me enchem o peito.

Ainda me parece estranho e um pouco ridículo usar estas formas de tratamento carinhosas mas as cartas de amor são mesmo assim. É suposto serem ridículas e sabe bem que assim seja.

Tenho dado milhares de voltas à cabeça. Queria dizer-te as coisas mais belas, mais românticas e arrebatadoras que um homem já disse a uma mulher. Queria com uma frase brilhante arrebatar-te, fazer-te sentir milhares de borboletas, fazer com viesses a correr para os meus braços e dissesses que me amas e que queres ficar comigo para sempre. Não sei como o fazer. Imaginei milhares de vezes como o faria mas as mãos tremem e o coração está apertado.

Tu és o meu bem. Ouvir um “Olá” teu faz o coração bater mais forte e quase saltar do peito. Não é exagero, é paixão!

Quero poder dizer-te tudo, que por ti ponho em causa tudo aquilo em que sempre acreditei e que seria a minha vida, quero dar-te a mão e passear contigo de mãos dadas, quero apresentar-te aos meus pais e dizer que és a tal!

Quero-te para mim e só para mim!

Mais, muito mais, do que te querer eu preciso de ti. Preciso de ti porque quero um futuro. Não se seria/será para sempre mas pelo menos um “e viveram felizes para…” será.

Imagino todos os dias como será bom acordar ao teu lado em vez de uma cama vazia. Imagino como será bom dizer “nós” em vez de “eu”. Imagino como será bom segurar-te contra o meu peito e sentir o teu coração bater junto ao meu. Imagino como é bom o teu beijo, o teu sabor, o teu cheiro, o toque da tua pele.

Vem, dá-me a mão. Deixa-me amar-te!

Vamos construir a nossa história!

12 comentários:

  1. Se tem destinatária, tens de a enviar... ;)

    ResponderEliminar
  2. Até que enfim tiveste coragem!
    Saiu fantástica, se tiver rementente não te inibas... Força!
    Beijos, gostei de ler...

    ResponderEliminar
  3. Obrigado!

    É verdade, andou algum tempo na minha cabeça e agora saiu. Não sei se é o melhor que consigo mas foi o que me saiu por agora.

    Eu não me inibo, mas nem tudo é assim tão simples. Quem sabe um dia destes alguém não a recebe.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não sei se farás melhor, mas se deixares o coração escrever em vez do cérebro, vão saír todas lindas!
      Deixa-te levar... quem sabe o outro lado só está à espera de um gesto...
      Desejo-te sorte, beijos e bom fim de semana.

      Eliminar
    2. Obrigado mais uma vez :)

      Beijos e bom fim-de-semana*

      Eliminar
  4. Qualquer que seja o texto, desde que seja escrito com o coração, saí sempre bem!

    Eu gostei :)

    Beijo *Estrela*do*

    ResponderEliminar