quinta-feira, 12 de julho de 2012

Desilusão

Eu já falei outras vezes de como me magoa que algumas pessoas me tratem ou tenham tratado como um produto descartável, me tenham usado quando precisavam e nunca mais ligaram, que só recorram a mim quando precisam de ajuda para algo.

Falei do desamor e do desapego mas a palavra que hoje não me saiu da cabeça foi desilusão.

Se calhar é mesmo isto que mais me dói e corrói por dentro todos os dias. A desilusão por me ter entregado de corpo e alma, de ter exposto o que tenho de mais íntimo, as minhas inseguranças, ter baixado completamente a guarda, de ter confiado nela para minha confidente e apoio nos momentos mais complicados. A desilusão por ter sido em vão, por me ter mostrado mais vulnerável do que nunca, a desilusão por ter dado este poder sobre mim a alguém.

Mais do que a mágoa que as palavras podem causar, acho que desiludir-mo-nos com alguém é completamente diferente e muito mais doloroso.

O que me deixa mais triste é ter sido tão desiludido pela aquela que eu julgava ser a minha melhor amiga e a pessoa que, ainda, amo.

8 comentários:

  1. Por isso é que a nossa vida não pode depender de uma pessoa só!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade, mas quando tu te "mostras" desta maneira a alguém e depois sofres uma desilusão destas vai ser muito complicado voltar a confiar em alguém a esse ponto.

      Acredita que eu sei bem do quão errado é só nos fiarmos numa pessoa e depois as coisas correrem mal. Erros todos fazemos e o importante é aprender com eles.

      Eliminar
  2. Respostas
    1. Quero acreditar que sim e tento agir tendo em conta os "ensinamentos" passados mas também falho onde antes falhei.

      Aprendi a pedir desculpa por exemplo.

      Eliminar
  3. Mas haverá gente aí merecedora da tua confiança. Esta situação na tua vida só te fará mais alerta e... selectivo.
    Que não seja a loucura cega do amor que te impeça o discernimento. Paixão e confiança são coisas diferentes. Por isso te assumes desiludido, ao memso tempo que te referes a ela como a que ainda amas.

    PS: saber pedir desculpa é muito importante e um passo enorme que nos torna melhores ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acredito que existam sim, mas vai ser muito complicado encontrar alguém em que eu possa depositar total confiança. Um dia destes quem sabe...

      O amor pode cegar como dizes. Sempre tentei ser minimamente racional para não me espalhar ao comprido. Nem sempre se consegue e às vezes quando damos por nós é um bocado tarde.

      Eliminar
  4. devagarinho....dia a dia....quem sabe né
    Isto nao é quando se quer...
    espero que ultrapasses rapido

    ResponderEliminar